– Análise da Arbitragem de São Paulo 0 x 0 Corinthians

Disciplinarmente ótimo, tecnicamente bem, fisicamente regular. Enfim, arbitragem muito boa de Wilson Luís Seneme no Majestoso dessa tarde.

Era o nome correto para apitar o jogo, embora andava sem ritmo, mesmo tendo sido escalado nas últimas rodadas (ficou muito tempo sem atuar por culpa do teste físico FIFA, aguardando o re-teste após reprovação).

Disciplinarmente, só não leva nota 10 pois deixou de dar Cartão Amarelo a Emerson Sheik, e teve duas oportunidades para isso: a primeira aos 16’, quando Emerson adianta a bola para um lado e pula do outro em Rodrigo Caio, tentando simular pênalti. A segunda aos 51’, quando Emerson sofre uma falta de Douglas e na sequência deixa o braço. Sem contar o quanto falou, reclamou, polemizou.

Tecnicamente, Seneme só teve deslizes em uma ou outra falta não marcada no começo de cada tempo de jogo. Isso é a falta de ritmo, típico de quem se ausentou por alguns meses: quando ele entrou na partida prá valer (a partir de 4 a 5 minutos de cada tempo), voltou a mostrar o seu melhor.

Fisicamente, tentou correr bastante, sofreu com os contra-ataques mas sempre esteve bem posicionado devido a sua noção de espaço em campo. Nada de críticas.

O Pênalti aos 88 minutos: ali há contato entre perna e joelho, a meia altura, desequilibrando o adversário. Apesar de Diego Macedo usar as mãos nas costas de Reinaldo, não demonstrou força suficiente para derrubá-lo. Com os pés não há toque. Portanto, a infração foi a meia altura, marcada com correção. Se no meio campo, é falta simples e sem discussão. Na área, é pênalti (para mim, a aplicação do cartão amarelo ao Diego Macedo foi desnecessária, mas respeito a interpretação do árbitro que entendeu como ação temerária, por isso o advertiu).

Observação: um jogo nervoso como este não é fácil. Quero destacar que o começo da partida, com inúmeras faltas e o árbitro mostrando sua autoridade foi decisivo para a arbitragem. Se o juizão não tivesse nome, o jogo descambaria.

Consideração final: Rodrigo Caio jogou no limite do permitido. Fez faltas sem ser violento, usou da virilidade até onde se pode, mas, cuidado: se pegar um árbitro caseiro numa partida fora de casa, será expulso, pois infelizmente há a cultura do “encostou-marcou” ainda em nosso país.

E você, o que achou do jogo? Deixe seu comentário:

Abaixo, lance-a-lance o desenrolar da partida:

O jogo, como se esperava, era chato, nervoso. E Seneme começou bem, apitando uma bola presa do Corinthians aos 15 segundos de jogo.

Aos 35 segundos, Ralph e Douglas foram disputar a bola de maneira forte, leal, mas ambos caíram em campo e os dois times pediram falta. Seneme deixou o lance seguir, e na saída de bola, mostrando autoridade e serenamente, conversou com ambos. Emerson Sheik foi reclamar e o árbitro nem deu ouvidos.

Com 3’30”, Rodrigo Caio vai na bola, a atinge mas acaba também acertando Romarinho. Era falta por imprudência, já que não queria, mas atingiu o adversário. Árbitro não marcou.

Aos 5 minutos, de novo Rodrigo Caio disputa a bola com virilidade, derrubando Danilo, mas de forma leal. Jogada normal.

Aos 5’46”, na linha lateral, Emerson vai propositalmente em Edson Silva após perder a disputa de bola. Era falta, Seneme não marcou. Se fosse um árbitro sem nome, o jogo já estaria perdido, pois os atletas fariam aquela “acareação” nefasta no futebol, tipo: bolinho, rodinha, cara-a-cara.

11’: numa jogada bem marcada do bandeira Celso Barbosa, Ademilson recebe a bola, estando ele e mais 4 jogadores são-paulinos em impedimento. Atacantes devem ficar atentos a isso…

Aos 12m, falta simples em Ralf, bem marcada. Mas mais da metade dos jogadores de cada time ergueu a mão; os do Corinthians, logicamente, pedindo rigor. Os do São Paulo, dizendo ser nada.

Simulação: aos 16’, Emerson Sheik avança na área, toca para o lado e pula em Rodrigo Caio, que a domina limpamente. Sheik cai, visivelmente tentando cavar o pênalti e forçando a barra para complicar a vida do sãopaulino. Seneme nada marcou.

19’: Denilson calça Danilo, falta bem marcada.

Depois disso, o jogo transcorreu tranquilamente. Uma ou outra jogada mais forte, como a (de novo) Rodrigo Caio, novamente leal, em Romarinho aos 30’. Mas nada de anormal. O árbitro impõe respeito.

Aos 34, Maicon faz falta simples em Emerson, Seneme marca corretamente. Mas o gozado é: todo mundo fica com o pé atrás do Sheik, pois os tricolores ficam olhando com canto de olho, ressabiados. Na cobrança dessa falta, o próprio Emerson cabeceia e a bola vai pra fora. E pra variar, Sheik sai batendo boca com Reinaldo. O atacante gosta disso…

36’: Paulo André trava a bola de maneira limpa em disputa com Aloísio, que caiu. Lance normal, acertou o árbitro, marcando escanteio. Na cobrança, Edson Silva empurra Paulo André, o árbitro não vê e o Árbitro Adicional não ajuda. Sorte que em nada resultou o lance.

38’: Romarinho parte para o ataque e Paulo Miranda o agarra. Cartão Amarelo bem aplicado.

Aos 41’ Emerson e Rodrigo Caio disputam uma segunda bola após tiro de meta cobrado por Cássio. Emerson faz carga em Rodrigo Caio e Seneme marca falta. Novamente Sheik sai reclamando.

43’: falta normal de Ralph em Denilson, bem marcada. Nada de cartão. Correto.

Novo impedimento de Ademilson aos 46’, novamente bem marcado. Sempre que vejo esse atleta em campo, percebo muitos impedimentos. Poderia ser melhor orientado sobre isso.

47’: Aloísio faz falta na lateral do meio campo em Sheik. Bem marcado, embora o são-paulino reclame de agressão, que não ocorreu.

58 segundos do segundo tempo: Edson Silva pula para dividir com o goleiro Cássio, e comete falta por atingir sua mão na mão do goleiro. Bem marcado.

50’: Fábio Santos toca por trás na bola, Douglas cai e fica parado no chão, olhando para o bandeira. Não foi nada, acertou o árbitro.

51’: Emerson sofre a falta de Douglas, Seneme marca e Emerson deixa o braço no adversário. Seneme segurou o jogo, não deixou cobrar a falta rápido e advertiu verbalmente Emerson. Errou, deveria ter dado Cartão Amarelo. E logo aos 52’, o mesmo Emerson, em disputa de bola, empurra Rodrigo Caio com a mão no rosto. Seneme erra de novo, ao não marcar a falta.

53’: o jogo está nervoso, Douglas faz falta temerária, Seneme marca e aplica o Amarelo. Correto.

Aos 56’ Rodrigo Caio (na mesma linha que o penúltimo adversário) e Aloísio impedido esperam a bola; ela chega a Aloísio e o bandeira marca bem o impedimento.

65’: Gil empurra Denilson, falta boba, simples, bem marcada. Na cobrança, Paulo Miranda faz falta em Cássio, também bem marcada.

Aos 70’, falta de Denilson em Fábio Santos. O lateral tenta cobrar rápido, e o volante impede. Se ele chutasse a bola em Denilson, fatalmente o atleta tricolor receberia o cartão amarelo.

74’: Nova falta de Douglas, agora em Romarinho. Novamente bem marcada.

Aos 75’: Rodrigo Caio faz falta em Emerson Sheik. Quantas vezes digitei isso nessa partida?

75’: Falta de Emerson em Rodrigo Caio. Toma lá, dá cá…

81: Denilson puxa Ibson, falta bem marcada. Poderia até ter recebido Cartão Amarelo, pelo número e natureza das faltas.

Aos 83, Gil e Welliton disputam a bola. Welliton mata no peito, protege-a até a linha de fundo e por baixo Gil dá um leve toque. Traído por si próprio, o bandeira Danilo Simon marcou lance a favor do Corinthians. Seu único erro na partida.

O lance do jogo: aos 88’, Reinaldo entra na área e Diego Macedo vai intercepta-lo. Coloca as mãos na costas mas sem força suficiente para derrubá-lo. Por baixo (pés), não há lance faltoso. Há sim à meia-altura, contato coxa e joelho que desequilibra. Pênalti difícil para se marcar com acerto de Seneme.

Por fim, ainda houve tempo para um cartão amarelo ao Jadson por agarrar Ibson, aos 92’.

Fica a consideração: erro de árbitro pode decidir jogo. Erro de jogador, talvez mais ainda.

url.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s