– Análise Pré Jogo da Arbitragem para Santos x São Paulo

Luiz Flávio de Oliveira apitará o clássico SanSão desta quarta-feira na Vila Belmiro. Clima bom para o árbitro?

Mais ou menos. Vamos fazer algumas observações:

Ainda hoje Luiz Flávio é comparado ao seu irmão Paulo César. Esqueça tal coisa, a verossimilhança se dá apenas no aspecto físico e na honestidade. O estilo de arbitrar de LF é diferente de PC. Ele é mais frio, pouco vibrante e menos técnico. Ainda assim, é um grande árbitro (e aqui faço um adendo: na atual neurose da CA-CBF em buscar árbitros altos, fortes e sarados, Luiz não teria chances se começasse hoje…).

Alguns aspectos de dificuldade ao juizão para hoje:

1- O Santos sofreu com erros de incompetência da arbitragem no começo do campeonato, culminando na ridícula e memorável expulsão equivocada de Geuvânio no Santos 1×3 Grêmio (o árbitro autorizou a entrada do jogador que estava fora de campo e depois “desautorizou”, vide em: http://wp.me/p55Mu0-t8). Depois disso, o presidente Modesto Roma Jr foi reclamar a Marco Polo Del Nero, pedindo (como ele próprio declarou) o “escalpo” de Sérgio Correa da Silva e fazendo lobby pelo Cel Marcos Marinho. Nos últimos jogos, coincidentemente, muitos erros a favor do Peixe, como em Santos 5×2 Avaí (o pênalti do tropeção de Lucas Lima), Santos 3×1 Chapecoense (pênalti inexistente em Ricardo Oliveira) e Sport 1×1 Santos (gol em impedimento do Santos e atleta pernambucano não expulso). Portanto, existe uma certa pressão no árbitro a respeito disso.

2- Outra pressão, agora do lado sãopaulino, é pelo fato de Luiz Flávio de Oliveira reencontrar o Tricolor Paulista depois do reclamado e inesquecível lance em Corinthians 3×2 São Paulo – o pioneiro pênalti de queimada de Antonio Carlos, inaugurando a série equivocada de lances marcados equivocadamente de bola na mão em mão na bola, sob a justificativa de que era o cumprimento da nova orientação da FIFA de… 2013! Sobre esse jogo, rememore em: http://wp.me/p4RTuC-3D.

3- Além disso, há a própria pressão do árbitro para sua boa atuação; afinal, Luiz Flávio vem de uma forte cobrança do polêmico pênalti marcado na partida entre Corinthians 4×3 Sport, também por mão na bola/ bola na mão. Em que pese, isso não abalou a confiança da CA-CBF, já que desde a Rodada 08 até a 24, LF só folgou na série A1 nas rodadas 12 e 22, além de ter trabalhado em escalas na série B. Está prestigiadíssimo e a bolinha da sorte abençoada!

Desejo bom trabalho ao Luiz Flávio neste importante e difícil jogo para sua carreira.

bomba.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s