– Análise da Arbitragem do Paulista 1×0 Joinville

A troca de árbitros para o jogo decisivo do Galo na Copa São Paulo 2017 foi muito boa. Uma excelente atuação (faz tempo que não escrevia isso, não?) do quarteto de arbitragem no Estádio Jayme Cintra.

Escalado posteriormente à divulgação inicial da escala (estava no jogo Paulo Santiago, que foi retirado da partida por ter trabalhado 48 horas antes em jogo do próprio Joinville), Rodrigo Santos mostrou ter vocação como árbitro.

Aos 5 minutos, na falta sofrida por Zunquinha (PFC) e na cometida por Bryan (PFC), soube se impor corretamente, fazendo cara feia e aplicando a advertência verbal. Impediu aglomerados de jogadores fazendo aquele “cerca-árbitro” de reclamações. Coibiu a cera do goleiro Felipe (JOI) no começo da partida e não se intimidou com as simulações de falta de Criciúma (PFC). Acertou ao não marcar pênalti reclamado por Moisés (PFC) e advertir Thierry (JOI) por impedir a saída de bola do goleiro adversário. Aplicou muito bem a lei da vantagem aos 33 minutos, fazendo a leitura perfeita de que surgiria um contra-ataque.

Disciplinar e tecnicamente, uma única ressalva: Arthur (PFC) e Perisike (JOI) dividiram a bola no alto, e ambos bateram cabeça. Equivocadamente o árbitro entendeu lance faltoso de Arthur e lhe aplicou o Cartão Amarelo, sendo o isolado erro relevante a ser citado.

Fisicamente o árbitro também esteve perfeito, EXCETO na postura e colocação em cobrança de faltas. Assim como seu colega da rodada passada, talvez pela falta de experiência, deu as costas ao batedor em cobrança frontal, flexionando os joelhos numa feia posição de “prestar atenção”, “arrebitando o bumbum” obcecado pela barreira e grande área. Isso deve ser corrigido com urgência: olhar a periferia e se posicionar melhor (pois se o cobrador toca ao seu companheiro do lado, o árbitro ficaria ”vendido no lance”), estando atento ao momento da cobrança, se faz necessário.

Também destaco os bandeiras Claudenir Donizete e Edislânio Nunes, sem qualquer ressalva. José Paulo Canale, o quarto-árbitro, foi ativo e ajudou seus companheiros.

Três observações:

– Para a preliminar entre Red Bull x Vitória da Conquista, um grande amigo foi com sua família ao Jayme Cintra. Eles são torcedores do Red Bull e até nos “espaços-família” reservados à equipe do Toro Loko nos estádios dos grandes times Brasil afora estiveram. No Jayme Cintra, a PM proibiu seu acesso às cadeiras cativas por estarem com camisa do clube de origem austríaca! Ora, havia torcedores das 4 equipes da chave além de outros times nas cadeiras, foi um tremendo despreparo e desrespeito à família (de origem estrangeira mas radicada em Jundiaí) que teve que assistir o jogo debaixo de sol escaldante no estádio, naquele momento, vazio.

– Novamente existiram gritos de BICHA quando o goleiro adversário cobrava o tiro de meta. Pra quê? A CBF foi multada em Outubro e em Novembro por tais gritos em jogos da Seleção. Desde então, reforçou-se o pedido para que os clubes orientem seus torcedores para não proferirem em coro tais gritos homofóbicos, além dos racistas e outros de injúria. Os times de São Paulo pedem através de seu sistema de som para que a torcida não pratique tal ato, sendo que a agremiação pode ser multada financeiramente, punida para que jogue com portões fechados e até perder o mando de jogo. Por sorte, os árbitros que aqui vieram não cumpriram a recomendação de relatarem e/ou não observaram as ofensas.

– O próximo jogo será dia 10, 3a feira, às 18h30 contra o Atlético Goianiense no Jayme Cintra. Que a torcida possa comparecer e as crianças e mulheres presentes no estádio se façam em grande número.

paulista-e-joinville

(foto de Thiago Baptista de Olim, site Esporte Jundiaí).

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s