– Não confunda a orientação da Regra de “Não Expulsar um Atleta que Evita o Gol em Disputa de bola” com “Evitar o Gol usando indevidamente as Mãos”.

Até anos atrás, quando um jogador fazia uma falta contra um adversário dentro da área que estava prestes a marcar um gol, você marcava o pênalti e o expulsava. E isso mudou!

A FIFA achava que a punição era muito rigorosa, e passou a distinguir a aplicação do Vermelho: se a falta for em disputa de bola, quando um jogador praticar uma infração tentando roubar a mesma, deve-se aplicar o Cartão Amarelo (mesmo se for para evitar o gol). Porém, se a infração não for em disputa da posse de bola (usar a mão para evitar o gol ou agredir o adversário), continua valendo o Vermelho.

Ontem, na Neo Química Arena, Fagner usou as mãos na jogada de ataque do Palmeiras. Se você entendeu que ele realmente evitou o gol, foi correto o Cartão Vermelho. Mas se você entendeu que a bola não iria para o gol e considerou que havia um zagueiro atrás que poderia disputá-la, era para Amarelo (pois não seria mais considerada uma situação clara e manifesta de gol).

Sobre a consideração deste lance, ontem, escrevi aqui: https://professorrafaelporcari.com/2020/09/10/a-expulsao-de-fagner-foi-justa/

– Dia do Árbitro

… e também do de vôlei, basquete, críquete, pólo-aquático… É dia do Árbitro Esportivo!

Orgulho-me de estar incluído nesta lista. Afinal, uma vez árbitro, sempre árbitro!

Feliz 11 de setembro, nosso dia! Que tenhamos o que comemorar e que nessa data nossas mamães sejam poupadas.