– Grêmio 1×1 Santos e os erros / acertos da arbitragem!

Que o árbitro paraguaio Juan Benitez é fraquinho, não há dúvida. Mas alguns lances foram maximizados ou não nas reclamações?

Vamos lá:

– Estando mal posicionando, o juiz viu um carrinho certeiro de Piñares (GRE) contra Pituca (SFC) e o expulsou. Chamado pelo VAR, corrigiu o grave equívoco: Pituca é quem faz falta e o carrinho citado “foi na bola”. Expulsão anulada e Advertência com Amarelo para o santista. O árbitro foi salvo pelo VAR neste lance.

– O Segundo Amarelo para Pituca: se fosse mais experiente, o jovem evitaria a expulsão por retardamento da partida. Ali, foi bobeada do atleta do Santos por não saber fazer cera.

O pênalti aos 51m por suposta mão de Vinícius Baliero (SFC) (ex-Vinícius Paulinho, capitão do time do Paulista de Jundiaí na Copa SP, excluído pelo episódio do “Gato”): ali é lance totalmente involuntário, não tem o que inventar – tanto é que demorou-se para tomar uma decisão. Com tanto tempo, parece que existia a preocupação em evidenciar a intenção da mão e não se conseguia!

Enfim: o Santos tem o que reclamar, especialmente no final do jogo. Mas dois dos lances reclamados, não (um conserto do VAR e outro infantilidade do jogador).

Lembrando que Benitez foi suspenso por mal uso do VAR em seu país. Confira aqui: https://correio.rac.com.br/_conteudo/2020/11/esportes/1024542-jogo-do-brasil-sera-apitado-por-arbitro-paraguaio-punido.html.

Grêmio 1 x 1 Santos: Peixe cede empate ao Tricolor gaúcho no fim e deixa  decisão para o jogo de volta | Goal.com