– O lance de Isla em Wesley no Flamengo 2(6)x(5)2 Palmeiras: pênalti ou não?

Muita discussão se foi pênalti ou falta para o Palmeiras contra o Flamengo, aos 40 minutos do 1o tempo, em lance que Isla atinge Wesley.

A resposta é objetiva: foi falta, acertou o VAR Wagner Reway na correção do lance que era difícil ao árbitro Vuaden pela rapidez da jogada. Explico: 

Se um jogador está com um pé dentro e outro fora da área, vale o pé em que ele é tocado. Tem que ser no local do ato, onde atingiu. Se estiver em cima da linha, não esqueça, ela faz parte da grande área, portanto é pênalti. Não foi o caso do lance de Brasília, foi fora mesmo.

Uma curiosidade da regra: todas as infrações devem ser marcadas no local da infração, em especial as “faltas continuadas”. Ou seja: se o jogador tem a camisa puxada fora da área mas consegue entrar na grande área, e lá é desequilibrado, deve se dar o pênalti. O ato começou fora mas terminou dentro. É a consumação da infração que deve ser levada em conta.

São como situações de cusparadas: se um zagueiro está na grande área e cospe no adversário que está fora, é falta. Se está fora e cospe dentro, é pênalti.

Por fim, vale lembrar: Abel Ferreira anda muito “esquentado com a arbitragem”, não? Precisa reclamar menos.

Flamengo x Palmeiras: final da Supercopa tem embate entre elencos valiosos; veja a comparação – Galerias