– A arbitragem paulista fez feio na Copa do Brasil…

O trio de arbitragem da FPF (Vinícius Gonçalves Dias Araújo, Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Daniel Luís Marques) terá dores de cabeça nas próximas horas…

Árbitro e bandeiras são bons, e foram escalados pela CBF para a Copa do Brasil, no jogo entre América-MG x Ferroviário-CE. No tempo normal, 1×1. Nas penalidades, 3×2 para o Coelho. Entretanto… esse placar se deve ao entendimento de que esta cobrança de pênalti (foto abaixo) do Ferroviário não entrou.

Aqui, não dá para culpar o posicionamento do assistente ou a desatenção do árbitro. Erro crasso. Veja onde está o bandeira e o tanto que a bola entrou:

– 99 anos de brigas de Torcidas no Futebol.

Há exatos 99 anos, o brilhante escritor Lima Barreto (quem nunca leu a brilhante obra “Triste Fim de Policarpo Quaresma”?) escrevia sobre algo que persiste nos dias de hoje: a briga entre Torcedores de Futebol!

Incrível, parece atual, mas foi escrito em 1922! Extraído do acervo do Centro Cultura São Paulo, publicado na Revista “Careta”.

FOOT-BALL

Por Lima Barreto

Não é possível deixar de falar no tal esporte que dizem ser bretão.

Todo dia e toda a hora ele enche o noticiário dos jornais com notas de malefícios, e mais do que isto, de assassinatos.

Não é possível que as autoridades públicas não vejam semelhante cousa.

O Rio de Janeiro é uma cidade civilizada e não pode estar entregue a certa malta de desordeiros que se querem intitular sportmen.

Os apostadores de brigas de galos portam-se melhor. Entre eles, não há questões, nem rolos.

As apostas correm em paz e a polícia não tem que fazer com elas; entretanto, os tais footballers todos os domingos fazem rolos e barulhos e a polícia passa-lhe a mão pela cabeça.

Tudo tem um limite e o football não goza do privilégio de cousa inteligente.

bomba.jpg

– Os lances polêmicos da arbitragem de Ferroviária 2×1 Corinthians.

Dois lances muito discutidos na Arena Fonte Luminosa nesta 3a feira. Vamos a eles?

Aos 35m, Gol de Everton (AFE) anulado, após escanteio de Cajá: Xandão atrapalhou ou não Cássio (SCCP)?

O árbitro assistente 2 Evandro de Melo Lima viu vários atletas à frente da linha da bola (em impedimento passivo, sem influência no lance – exceto Xandão, duvidoso). Aqui você deve analisar: ao desviar da bola para não ter uma participação ativa (e sair do impedimento passivo para o ativo, caso tocasse nela), Xandão atrapalhou a defesa de Cássio?

1- Se você entende que sim, é impedimento ativo por ter ludibriado com um drible sem bola / atrapalhado a visão do goleiro.
2 – Se você entende que ele desviou da jogada para manifestar a não participação no lance e que não foi determinante para o gol sofrido de Cássio, então é gol legal e errou o árbitro (e essa segunda situação é a minha opinião, diferente do árbitro Thiago Luis Scarascati).

Aos 43m, Gol de Camacho (SCCP), após passe de Luan: a bola, no início da jogada, saiu totalmente pela linha lateral?

A imagem perpendicular é inconclusiva, pois pode provocar ilusão de ótica. Precisaria de uma imagem perfeita nas paralelas ou, melhor ainda, da tecnologia do chip na bola – igual a usada em alguns torneios onde quando se passa a meta, o árbitro recebe a confirmação do gol com um sinal sonoro e a vibração em seu relógio.

O detalhe é: o árbitro assistente 1 Fabrini Bevilaqua Costa estava mal posicionado, dentro da área técnica, por força da jogada. O treinador Pintado tem uma visão da saída ou não da bola melhor que a do bandeira! Reveja esse detalhe na imagem. Por isso, não dá para (nesse lance) “cravar” um erro de saída total ou não da bola.

Ao final do jogo, apesar desses lances bem discutíveis, vitória da Ferrinha sobre o Timão, não alterando os 3 pontos na tabela – mas talvez o saldo de gols se você considerar erros.